Bolsonaro é retratado como 'assassino do clima' no carnaval da Alemanha


O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) foi tema de carros alegóricos durante os tradicionais desfiles carnavalescos na Alemanha nesta segunda-feira (24). As informações são do portal DW Brasil.

Em Düsseldorf, um carro alegórico trouxe um boneco do presidente brasileiro na posição de Cristo Redentor, mas com serras elétricas no lugar dos braços abertos. Nelas, lia-se "assassino do clima" e "Bolsonaro". Em volta do boneco, havia tocos de árvores decepadas e ensaguentadas.

Mas um detalhe da representação causou polêmica nesta segunda-feira. Uma bandeira brasileira estampada no peito de Bolsonaro trazia uma suástica nazista em seu centro. Carnavalescos responsáveis pelo carro alegórico tiveram que remover o símbolo após recomendação do ministério público alemão.

Jacques Tilly, responsável pelo carro, confirmou o caso à agência de notícias DPA. "Isso é um absurdo, porque impede que haja liberdade de sátira, mas nós seguimos. Bolsonaro agora tem um buraco no peito", afirmou o carnavalesco.

Mais tarde, o ministério público expressou dúvidas sobre sua própria avaliação. "Uma análise mais aprofundada mostrou que a suástica nesse contexto deveria ser respaldada pela liberdade artística", disse uma porta-voz do órgão.

Em Colônia, outro carro alegórico representou o presidente brasileiro, dessa vez segurando a bandeira do Brasil atada a um palito de fósforo tamanho família e exibindo um largo sorriso, diante de árvores carbonizadas e sambistas seminuas e chamuscadas.

Essa não foi a primeira vez de Bolsonaro como alvo do humor alemão. Em agosto, ele foi ridicularizado em horário nobre em um programa humorístico, transmitido pela principal rede de televisão pública da Alemanha, que criticou as políticas ambientais e agrícolas do presidente brasileiro e o chamou de o "boçal de Ipanema".

Fonte: Bahia Notícias

Postar um comentário

0 Comentários